PROFISSIONAIS DA RADIOLOGIA

RADIOLOGIA

sábado, 12 de novembro de 2011

PROVA DE RADIOLOGIA N° 03

01 – COM QUE OSSO ARTICULA-SE A PATELA?


(A) ÚMERO

(B) FÍBULA

(C) ÍSQUIO

(D) FÊMUR

(E) TÍBIA

02 – QUAIS S INCIDÊNCIAS BÁSICAS EM MAMOGRAFIA?

(A) CRÂNIO-CAUDAL E OBLÍQUA MÉDIO-LATERAL

(B) CRÂNIO-CAUDAL E TANGENCIAL

(C) OBLÍQUA MÉDIO-LATERAL E PERFIL

(D) TANGENCIAL E OBLÍQUA MÉDIO-LATERAL

(E) LÁTERO-MEDIAL E PERFIL

03 –QUAL O EXAME DE IMAGEM MAIS EMPREGADO NO ESTUDO DO CRÂNIO NS LESÕES POR ARMA DE FOGO?

(A) TOMOGRAFIA POR EMISSÃO DE PÓSITRONS

(B) RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

(C) ULTRA-SONOGRAFIA

(D) TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA

(E) CINTILOGRAFIA ÓSSEA

04 – QUAIS SÃO OS OSSÍCULOS AUDITIVOS SITUADOS NO OUVIDO MÉDIO?

(A) CÓCLEA E VESTÍBULO

(B) MARTELO, CÓCLEA E LABIRINTO

(C) ESTRIBO, BIGORNA E MARTELO

(D) VESTIBULO, ESTRIBO E CANAL SEMICIRCULAR

(E) BIGORNA E DUCTO ENDOLINFÁTICO

05 – QUAL A MEDIDA USADA PARA REDUÇÃO DA EXPOSIÇÃO À RADIAÇAO DO PACIENTE DURANTE O EXAME RADIOLOGICO?

(A) COLIMAÇÃO PRECISA

(B) USO DE COMBINAÇÃO FILME-ÉCRAN DE BAIXA VELOCIDADE

(C) FLEXÃO EXCESSIVA DA COLUNA CERVICAL, FLOU CINÉTICO E MILIAMPERAGEM BAIXA

(D) ANGULAÇÃO INCORRETA DO RAIO CENTRAL (RC), MILIAMPERAGEM ALTA E ROTAÇÃO

(E) ROTAÇÃO, INCLINAÇÃO E ANGULAÇÃO INCORRETA DO RAIO CENTRAL (RC)

06- QUAIS OS ERROS POTENCIAS DE POSICIONAMENTO RELACIONADOS ÀS POSIÇÕES DO CRÂNIO NOS EXAMES RADIOLÓGICOS SIMPLES?

(A) ROTAÇÃO, KVp ALTA E INCLINAÇÃO

(B) INCLINAÇÃO CINÉTICA E FLEXÃO EXCESSIVA DA COLUNA LOMBAR

(C) FLEXÃO EXCESSIVA DA COLUNA CERVICAL, FLOU CINÉTICO E MILIAMPERAGEM BAIXA

(D) ANGULAÇÃO INCORRETA DO RAIO CENTRAL (RC), MILIAMPERAGEM ALTA E ROTAÇÃO.

(E) ROTAÇÃO, INCLINAÇÃO E ANGULAÇÃO INCORRETA DO RAIO CENTRAL (RC)


07 – QUAL É O FATOR PRIMÁRIO DE CONTROLE PARA O CONTRASTE DA IMAGEM RADIOGRAFICA?

(A) mAs

(B) rem

(C) kVp

(D) rad

(E) TEMPO

08 – QUAL A FINALIDADE DA RADIOGRAFIA DE TÓRAX NA INCIDÊNCIA AP EM DÉCUBITO LATERAL?

(A) EVIDENCIAR FRATURAS EM ARCOS COSTAIS

(B) AVALIAR LESÕES PULMONARES NOS LOBOS SUPERIORS

(C) MENSURAR VOLUME CARDÍACO

(D) DEMONSTRAR PEQUENOS DERRAMES PLEURAIS

(E) AVALIAR ESÔGAFO E TRAQUÉIA

09 – QUAIS S INCIDÊNCIAS BÁSICAS PARA O ESTUDO RADIOLOGICO DA PERNA?

(A) OBLIQUA E PERFIL

(B) AP E LATERAL

(C) AXIAL E AP

(D) AP E OBLIQUA

(E) LATERAL E AXIAL

10– A QUE NÍVEL DEVE ESTAR POSICIONADO O RAIO CENTRAL NA RADIOGRAFIA DO TÓRAX EM AP?

(A) T 2

(B) T 3

(C) T 7

(D) T 10

(E) T 12

11 – QUAL A ROTINA BÁSICA PARA O EXAME DE UROGRAFIA EXCRETORA APÓS A INJEÇÃO ENDOVENOSA DO MEIO DE CONTRASTE?

(A) RADIOGRAFIAS APÓS 10 MINUTOS, 15 MINUTOS, 30 MINUTOS E 60 MINUTOS

(B) RADIOGRAFIAS APÓS 04 MINUTOS, 05 MINUTOS, 15 MINUTOS, 20 MINUROS E PÓS-MICCIONAL

(C) RADIOGRAFIAS APÓS 04 MINUTOS, 05 MINUTOS E AS SEGUINTES DE 10 EM 10 MINUTOS ATÉ COMPLETAR 01 HORA

(D) RADIOGRAFIAS DE 10 EM 10 MINUTOS ATÉ COMPLETAR 40 MINUTOS E PÓS-MICCIONAL

(E) RAIOGRAFIAS APÓS 15 MINUTOS, 20 MINUTOS, 60 MINUTOS E PÓS-MICCIONAL.

12– QUAL A DOSE-LIMITE ANUAL PARA EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL À RADIAÇAO DE TRABALHADORES EM RADIOLOGIA MÉDICA?

(A) 2 REM

(B) 5 REM

(C) 10 REM

(D) 15 REM

(E) 18 REM

13 – A ROTINA BÁSICA PARA O ESTUDO RADIOLÓGICO SIMPLES DOS SEIOS PARANASAIS É AS INCIDÊNCIAS DE:

(A) CALDWELL E DE WATERS

(B) WATERS E LATERAL

(C) CALDWELL, LATERAL E SUBMENTOVÉRTICE

(D) WATERS, DE TOWNE E DE CALDWELL

(E) WATERS, DE CALDWELL E LATERAL

14 – EM QUE SEGMENTO DO INTESTINO GROSSO LOCALIZA-SE O APÊNDICE VERMIFORME?

(A) FLEXURA HEPÁTICA

(B) CECO

(C) CÓLON DESCENDENTE

(D) RETO

(E) CÓLON TRANSVERSO


15– A RESOLUÇÃO ESPACIAL É O PARÂMETRO PARA A REPRODUÇÃO DE IMAGENS COM:

(A) MUITO RUIDO

(B) GRANDES DETALHES

(C) PEQUENOS DETALHES

(D) B E C ESTÃO CERTAS

(E) NRA


16 – AS ESTRUTURAS DENSAS NA TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA, COMO OSSO E METAL, SÃO MOSTRADAS POR:

(A) PRETO

(B) BRANCO

(C) TONS CINZA

(D) TONS DE CINZA E PRETO

(E) TRANSPARENTES

17 – OS DOIS GASES UTILIZADOS PARA RESFRIAR O IMÃ SUPERCONDUTOR (RESSONÂNCIA MAGNÉTICA) SÃO :

(A) BUTANO / METANO

(B) HÉLIO / NITROGÊNIO

(C) OXIGÊNIO / HIDROGÊNIO

(D) CARBÔNICO / PROTÓXIDO DE AZÔTO

(E) HIDROGÊNIO / BUTANO



18 – O CONTRASTE USADO EM RESSONÂNCIA É :

(A) BÁRIO

(B) HYPAQUE

(C) GADOLÍNIO

(D) OMNYPAQUE

(E) BILOPAQUE

19 – DOS EXAMES ABAIXO, O MAIS INDICADO PARA AVALIAR MAMAS COM PRÓTESE DE SILICONE É :

(A) MAMOGRAFIA

(B) ULTRA-SONOGRAFIA

(C) RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

(D) TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA

(E) DENSITOMETRIA ÓSSEA

20 – A TEMPERATURA DA CÂMARA ESCURA DEVE VARIAR ENTRE :

(A) 32º E 36º

(B) 25º E 32º

(C) 12º E 17º

(D) 18º E 24º

(E) 32º E 40º

21 – A INCIDÊNCIA DE RHEESE É USADA PARA O ESTUDO DO(A):

(A) SELA TÙRSICA

(B) FORAMEM ÓPTICO

(C) PROCESSO ODONTÓIDE

(D) ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR

(E) ARTICULAÇÃO SACRO-ILÍACA

22 – A LINHA DE FRANKFURT É CONHECIDA TAMBÉM COMO:

(A) RHEESE

(B) AURICULAR

(C) LINHA DO PLANO ANTROPOLÓGICO

(D) SUPRAÓRBITOMEÁTICA

(E) LINHA DE CHAMBERLAIN

23 – A DOSE EFETIVA CORPORAL TOTAL POR ANO, PARA OS TRABALHADORES DA ÁREA RADIOLÓGICA, É DE :

(A )30 mSv

(B) 40 mSv

(C) 50 mSv

(D) 60 mSv

(E) 100 mSv

24- NA INCIDÊNCIA LATERAL VERDADEIRA DA ESCÁPULA, OS ACIDENTES ANATÔMICOS BÁSICOS QUE RESULTAM NO FORMATO DE “Y” ESTÃO NA SEGUINTE ALTERNATIVA :

(A) ACRÔMIO, PROCESSO CORACÓIDE E CORPO.

(B) FOSSA SUPRA ESPINHOSA, CRISTA DA ESPINHA E ACRÔMIO.

(C) ÂNGULO INFERIOR, CAVIDADE GLENÓIDE E FOSSA ESCAPULAR.

(D) SUPERFÍCIE DORSAL, BORDO LATERAL E SUPERFÍCIE VENTRAL.

(E) ACRÔMIO, CAVIDADE GLENÓIDE E ESOINHA DA ESCÁPULA

25 – NA INCIDÊNCIA “ TUNNEL VIEW “ , DO JOELHO, O RAIO CETRAL DEVEINCIDIR;

(A) NO TERÇO MÉDIO DA COXA.

(B) NA PREGA POPLÍTEA

(C) NO ÁPICE DA PATELA

(D) NO TERÇO PROXIMAL DA COXA

(E) NO MALÉOLO FIBULAR


26 – DENTRE AS INCIDÊNCIAS PARA ESTUDO RADIOLÓGICO DO JOELHO, QUAL PROPORCIONA UMA PROJEÇÃO AXIAL DA PATELA

(A) ”TUNNEL VIEW “

(B) AP

(C) LATERAL

(D) MARCHANT

(E) RHEESE


27 – É UMA INCIDÊNCIA QUE DEMONSTRA O ESPAÇO ARTICULAR GLENO-UMERAL ABERTO:

(A) AP COM ROTAÇÃO INTERNA DO BRAÇO.

(B) OBLIQUA, COM O CORPO RODADO 35º - 45º PARA O LADO A SER EXAMINADO.

(C) AP COM ROTAÇÃO EXTERNA DO BRAÇO.

(D) OBLIQUA, COM O CORPO RODADO 35º - 45º PARA O LADO OPOSTO A SER EXAMINADO.

(E) INCIDÊNCIA DE LAWRENCE

28– QUAL DAS ABAIXO MENCIONADAS É A INCIDÊNCIA DE TORNOZÊLO QUE PROPORCIONA UMA AVALIAÇÃO MAIS COMPLETA DA SINDESMOSE TIBIO-FIBULAR ?

(A) RODAR A PERNA E O PÉ INTERNAMENTE EM 45º.

(B) AP NEUTRO

(C) RODAR A PERNA E O PÉ EXTERNAMENTE EM 45º.

(D) LATERAL.

(E) PERFIL INTERNO COM FLEXÃO DO PÉ

29 – UMA MANEIRA SIMPLES DE EVITAR QUE A SOMBRA DA MANDÍBULA SE PROJETE SOBRE A VÉRTEBRA C3, NA INCIDÊNCIA DE AP DA COLUNA CERVICAL É :

(A) ANGULAÇÃO CEFÁLICA DE 12º.

(B) ANGULAÇÃO LATERAL DE 20º.

(C) ANGULAÇÃO CAUDAL DE 12º.

(D) ANGULAÇÃO CAUDAL DE 20º.

(E) ANGULAÇÃO CAUDAL DE 5º.

30 – POR QUE O PERFIL DE COLUNA CERVICAL DEVE SER FEITO EM TELERADIOGRAFIA /

(A) PARA COMPENSAR A DIMINUIÇÃO DA DIATÂNCIA OBJETO-FILME.

(B) PARA COMPENSAR O AUMENTO DA DISTÂNCIA OBJETO-FILME.

(C) PARA DIMINUIR A DOSE DE RADIAÇÃO APLICADA NO PACIENTE.

(D) PARA EVITAR O FLOW CINÉTICO DURANTE A EXPOSIÇÃO.

(E) PARA MOSTRAR MELHOR OS FORAMENS DE CONJUGAÇÃO

31 – NA PROJEÇÃO DE WATERS PARA AVALIAÇÃO DOS OSSOS DA FACE.

(A) O RAIO CENTRAL DEVE SER ORIENTADO PARALELAMENTE A LINHA ÓRBITOMEATAL.

(B) O RAIO CENTRAL DEVE SER ORIENTADO PERPENDICULARMENTE A LINHA ÓRBITOMEATAL.

(C) O RAIO CENTRAL DEVE SER ORIENTADO PARALELAMENTE AO FILME.

(D) O RAIO CENTRAL DEVE SER ORIENTADO PARALELAMENTE A LINHA TRAGUS-MENTONIANA.

(E) O RAIO CENTRAL DEVERÁ INCIDIR NA GLABELA

32 – DEVE-SE EVITAR EXPOSIÇÃO DESNECESSÁRIA ’A RADIAÇÃO QUANDO SE TRATA DE ;

(A) ADULTOS.

(B) GESTANTES.

(C) CRIANÇAS.

(D) TODAS AS ALTERNATIVAS ANTERIORES.

(E) SOMENTE A E C ESTÃO CERTAS

33 – EM SE TRATANDO SE EXAMES RADIOLÓGICOS DE MULHERES EM IDADE FÉRTIL, NO QUE CONSISTE A REGRA DOS 10 DIAS ?

(A) UMA MEDIDA PREVENTIVA QUE VISA AVALIAR ESSAS PACIENTES EM UM PERÍODO DO CICLO MENSTRUAL EM QUE DIFICILMENTE ESTARÃO GRÁVIDAS.

(B) UMA MEDIDA QUE VISA FLAGRAR O MOMENTO EM QUE UMA MULHER TEM MAIOR CHANCE DE ESTAR GRÁVIDA, DE MODO QUE SE POSSA FAZER O EXAME NESSA ÉPOCA.

(C) UMA MEDIDA PREVENTIVA NA QUAL MULHERES QUE FORAM SUBMETIDAS A UM EXAME RADIOLÓGICO, DEVEM ESPERAR 10 DIAS ANTES DE ENGRAVIDAR.

(D) TODAS AS OPÇÕES ANTERIORES ESTÃO ERRADAS.

(E) AS OPÇÕES A,B E C ESTÃO CERTAS

34 – SÃO FATORES QUE DIMINUEM A DOSE DE RADIAÇÃO RECEBIDA PELO PACIENTE, EXCETO :

(A) FILTRAÇAÕ CORRETA.

(B) REPETIÇÃO MINIMA DE EXPOSIÇÕES

(C) COLIMAÇÃO AMPLA.

(D) PROTEÇÃO GONADAL.

(E) USO DE CILINDRO DE EXTENSAÕ QUANDO NECESSÁRIO

35 – COMPÕEM A EXTREMIDADE PROXIMAL DO FÊMUR, EXCETO :

(A )FOSSA INTERCONDILIANA.

(B) GRANDE TROCÂNTER

(C) CABEÇA DO FÊMUR

(D) PEQUENO TROCÂNTER

(E) FÓVEA

36 – QUANTO AO ACETÁBULO, É CORRETO AFIRMAR :

(A É UMA PARTE DO ÍLEO

(B) É FORMADO PELO PÚBIS, PELO ÍSQUIO E PELO ÍLEO.

(C) É UMA PARTE DO ÍSQUIO.

(D) É FORMADO PELO ÍSQUIO E PELO ÍLEO.

(E) FICA LOCALIZADO SOBRE A CRISTA DO ILIACO

37 – CORRESPONDE A UM INDIVIDUO EM POSIÇÃO ANATÔMICA :

(A) INDIVIDUO DEITADO, OLHANDO PARA CIMA, COM REGIÃO PALMAR VOLTADAS PARA BAIXO.

(B) INDIVIDUO DEITADO EM DECUBITO VENTRAL,OLHANDO PARA BAIXO, COM REGIÃO PALMAR VOLTADAS PARA DENTRO.

(C) INDIVUO DEITADO, OLHANDO PARA CIMA, COM REGIÃO PALMAR VOLTADAS PARA DENTRO.

(D) INDIVIDUO DE PÉ, OLHANDO PARA FRENTE, COM REGIÃO PALMAR VOLTADAS PARA FRENTE.

(E) INDIVÍDUO EM DECUBITO LATERAL ESQUERDO

38 – QUANTO A ANATOMIA DA ARTICULAÇÃO DO JOELHO , É INCORRETO AFIRMAR

(A) A EXTREMIDADE DISTAL DO FÊMUR SE ARTICULA COM A PATELA E COM A TIBIA.

(B) A EXTREMIDADE PROXIMAL DA FIBULA SE ARTICULA APENAS COM A TIBIA.

(C) A FABELA É UM OSSO SESAMÓIDE QUE APARECE NA FACE POSTERIOR DO JOELHO.

(D) A EXTREMIDADE PROXIMAL DA TÍBIAS E ARTICULA COM O FÊMUR E COM A FÍBULA.

(E) A PATELA FICA SITUADA NA FACE POSTERIOR DO JOELHO

39 – PRONAÇAÕ DA MÃO, SIGNIFICA :

(A) ROTAÇAÕ EXTERNA DA MÃO.

(B) FLETIR OS DEDOS DA MÃO

(C) EXTENDER OS DEDOS DA MÃO.

(D) ROTAÇAÕ INTERNA DA MÃO.

(E) AFASTAR A MÃO DO EIXO SAGITAL DO CORPO

40 – O TERMO “IPSILATERAL”, SIGNIFICA :

(A) DO LADO OPOSTO.

(B) DO MESMO LADO.

(C) LATERALMENTE A UMA REFERENCIA.

(D) NOS DOIS LADOS.

(E) EM AMBOS OS LADOS

41 – É INCORRETO AFIRMAR:

(A) O ASPÉCTO VOLAR DA MÃO CORRESPONDE A PALMA DA MÃO.

(B) O ASPÉCTO ULNAR DO ANTEBRAÇO CORRESPONDE A SUA SUPERFÍCIE MEDIAL

(C) O ASPÉCTO RADIAL DO ANTEBRAÇO FICA NA FACE EXTERNA

(D) O PERFIL DO CAVUM PODE SER POSICIONADO COMO SE FOSSE UM PERFIL DE CRÂNIO

(E) O DORSO DO PÉ CORRESPONDE A SUA SUPERFÍCIE INFERIOR

42 – DOS FATORES DE EXPOSIÇÃO ABAIXO, QUAL É O PRINCIPAL RESPONSÁVEL PELO CONTROLE DE CONTRASTE DA IMAGEM ?

(A) kVp

(B) mA

(C) TEMPO

(D) DISTÂNCIA

(E) NENHUMA RESPOSTA SATISFAZ

43 – O AUMENTO DA DISTÂNCIA FOCO-FILME LEVA A :

(A) DIMINUIÇÃO DO CONTRASTE.

(B) DIMINUIÇÃO DA DISTORÇÃO.

(C) DIMINUIÇÃO DO DETALHE.

(D) TODAS ESTÃO CERTAS

(E) A, B E C ESTÃO ERRADAS

44 – UM AUMENTO DA KILOVOLTAGEM ( kV ) LEVA A :

(A) AUMENTO DO CONTRASTE.

(B) AUMENTO DA DOSE RECEBIDA PELO PACIENTE.

(C) AUMENTO DO TEMPO DE EXPOSIÇÃO.

(D) REDUÇAÕ DO CONTRASTE.

(E) OBRIGATÓRIAMENTE FAZER RADIOGRAFIAS SEM GRADE POOTER-BUCK

45 – A FUNÇÃO DO FILAMENTO DENTRO DE UMA AMPOLA DE RAIOS X É:

(A) DISSIPAR ENERGIA

(B) PRODUTORA DE ELÉTRONS

(C) PRODUÇAÕ DE RAIOS X

(D) DE ABSORÇÃO DE RAIOS X

(E) DE ABSORÇÃO DE ELÉTRONS

46 – A COLIMAÇÃO DOS CAMPOS A SEREM IRRADIADOS, USANDO DE FORMA CORRETA O DIAFRAGMA OU CILINDRO, É FATOR IMPORTANTE PARA:

(A) REDUZIR O TEMPO DE EXPOSIÇÃO, MELHORANDO A TÉCNICA RADIOGRÁFICA

(B) AUMENTAR A DENSIDADE ÓPTICA DAS IMAGENS A SEREM RADIOGRAFADAS CORRETAMENTE

(C) REDUZIR A MILIAMPERAGEM E A QUILOVOLAGEM

(D) REDUZIR O VOLUME DE TECIDO IRRADIADO E REDUZIR A RADIAÇÃO DISPERSA

(E)REDUZIR O VOLUME DE TECIDO A SER IRRADIADO SOMENTE REGIÕES SENSÍVEIS A RADIAÇÃOX

47 – NA DEMONSTRAÇÃO DA IMAGEM DA RADIOGRAFIA DE TÓRAX , AS TRÊS PARTES PRINCIPAIS DA ANATOMIA RADIOLÓGICA A SEREM VISUALIZADAS, COM FATORES TÉCNICOS CORRETOS SÃO :

(A) PESCOÇO, PULMÕES E CORAÇÃO

(B) TÓRAX ÓSSEO, SISTEMA RESPIRATÓRIO E MEDIASTINO

(C) PESCOÇO, MEDIASTINO E MÚSCULO DIAFRAGMA

(D) TRAQUÉIA, MEDIASTINO E CORAÇÃO

(E) TÓRAX ÓSSEO, PULMÕES E MÚSCULO DIAFARGMA

48 – OS RAIOS X TÊM A MESMA NATUREZA DA LUZ OU DE QUALQUER OUTRA ONDA ELETROMAGNÉTICA. ESSES RAIOS FORAM PRIMEIRAMENTE OBSERVADOS POR:

(A) BECQUEREL.

(B) MARIE E PIERRE CURIE.

(C) EINSTEIN.

(D) ROENTGEN.

(E) RAFAEL FURIATI

49- TODAS AS ONDAS ELETROMAGNÉTICAS SE PROPAGAM NO VÁCUO COM A MESMA VELOCIDADE. ASSINALE O TIPO DE ONDA ELETROMAGNÉTICA QUE POSSUI MENOR COMPRIMENTO DE ONDA.

(A) ONDA DE RÁDIO (AM).

(B) ONDA DE RÁDIO (FM).

(C) RAIOS X.

(D) LUZ VISÍVEL.

(E) ONDA DE TV

50 -ASSINALE A OPÇÃO QUE NÃO CORRESPONDE A UMA UNIDADE USADA PARA A RADIATIVIDADE.

(A) CANDELA.

(B) SIEVERT.

(C) GRAY.

(D) BECQUEREL.

(E) GRAMA



RESPOSTAS

01(D) – 02(A) – 03(D) – 04(C) – 05(A) – 06(E) – 07(C) - 08(D) -09(B) – 10(C) – 11(B) – 12(B)- 13(E) – 14(B) – 15(D) – 16(B) – 17(B) – 18(C) – 19(C) – 20(D)- 21(B) – 22(C) – 23(C) - 24(A) -25(B) – 26(D) – 27(B) – 28(A) – 29(A) – 30(B) – 31(D) – 32(D) – 33(A) – 34(C)- 35(A) – 36(B) – 37(D) – 38(C)  39(D) – 40(B) – 41(D) – 42(A) – 43(B) – 44(D) – 45(B)- 46(D)- 47(B) - 48(D) - 49(C) - 50(A).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário